Chegando lá.

Este blog tem o objetivo de aproximar-me mais de você amigo blogueiro e através do mesmo compartilhar idéias, artigos interessantes, fotos, poemas e pensamentos. Desde já agradeço pelo teu prestígio, companhia e comentários. Sejam Bem Vindos!



quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Passa para o Senhor o pastor João Lundgren

Faleceu nesta manhã o pastor Ruben Johannes Lundgren, mais conhecido como João Lundgren, líder da Assembleia de Deus em Caxias do Sul (RS).

Missionário da Missão Sueca, pastor, presidente da Assembleia de Deus de Caxias do Sul (RS) e presidente de honra da Convenção das Assembleias de Deus do Rio Grande do Sul.

Pastor João Lundgren nasceu no dia 1º de outubro de 1926, durante o pastorado de seu pai, Simon Lundgren*, na cidade de Santos (SP). O missionário Daniel Berg, necessitando retornar à Suécia para tratamento de saúde, pediu ao companheiro Simon Lundgren, que na ocasião ajudava o pastor Otto Nelson, em Maceió (AL), que o substituísse na presidência da Assembleia de Deus santista.

João cresceu dentro das Assembleias de Deus, sempre ajudando seus pais no trabalho da igreja. Aos oitos anos de idade, sentiu-se um grande pecador e entregou-se a Cristo.

Em 1937, o missionário norueguês Jahn Sörheim organizou a primeira banda de música da Assembleia de Deus de São Paulo, na rua Cruz Branca 35, no bairro do Brás. João e seu irmão, Simon Rune, faziam parte, tocando instrumentos de sopro.

Na década de 40, trabalhou como secretário de Samuel Nyström, quando este pastoreava a Assembleia de Deus de São Cristóvão (RJ). Também era organista da igreja e maestro da orquestra. Quando Samuel Nyström voltou para a Suécia, em 1945, João foi para a AD de curitiba (PR), onde seu pai presidia a igreja.

Conheceu a jovem Maria de Lourdes Malinoski, descendente de imigrantes poloneses e italianos, na cidade de Curitiba (PR), com quem se casou em 28 de outubro de 1950. Deste matrimônio nasceram: Paulo Jorge Lundgren (in memoriam), Ruben Simon Lundgren, Raquel Angelina Lundgren Cavalcanti e Roberto José Lundgren, sendo acrecidos à família, noras, genro, netos e netas.

Na igreja em Curitiba, em 1952, João foi consagrado a evangelista; em 1953, foi convidado a substituir o missionário Leif Andersen*, assumindo a Assembleia de Deus de Iporã (PR); e em 28 de fevereiro de 1954, na cidade de Mringá (PR), foi ordenado pastor. Na mesma ocasião, a Assembleia de Deus de Londrina (PR), ligada a Ibiporã, recebeu sua autonomia e João Lundgren foi o seu primeiro pastor-presidente.

Em 1963, com o falecimento do missionário Nels Nelson* , a Igreja Filadélfia de Estocolmo (Suécia) havia perdido o último missionário em terras brasileiras e, desejando manter o vínculo missionário em terras brasileiras e, desejando manter o vínculo missionário com o Brasil, resolveu que o pastor João Lundgren iria substituí-lo como missionário, trabalhando em Porto Alegre (RS), junto com os missionários Nils e Mary Taranger*. Serviram ao Orfanato Lar Esperança, ao Asilo Gustav Nordlund, e também a pregação do evangelho.


Em 4 de fevereiro de 1966, assumiu o pastorado da Assembleia de Deus de Caxias do Sul (RS). Dedicado às áreas de música , João trabalhou com afinco para que a Escola Bíblica Dominical fosse um dos maiores cultos da igreja e, com a ajuda de seu filho, maestro Ruben Lundgren, formou a Orquestra Estrela da Manhã, que executa peças, dentre as quais, mais de 200 arranjos de sua autoria, da Harpa Cristã.

Um comentário:

  1. Foi meio primeiro pastor, deixando grande saudade.

    ResponderExcluir