Chegando lá.

Este blog tem o objetivo de aproximar-me mais de você amigo blogueiro e através do mesmo compartilhar idéias, artigos interessantes, fotos, poemas e pensamentos. Desde já agradeço pelo teu prestígio, companhia e comentários. Sejam Bem Vindos!



quarta-feira, 12 de abril de 2017

CORAL PRIMÍCIAS - 37 ANOS DE VITÓRIA!

Para conhecermos a história do “CORAL PRIMÍCIAS”, da Assembleia de Deus do Bairro Encruzilhada, em Recife (PE), é necessário voltar no tempo e relembrar um pouco da história que já foi contada aqui do “Coral Filadélfia”, tendo em vista que essa congregação é a antiga sede das Assembleias de Deus no Estado de Pernambuco. A igreja pernambucana foi fundada em 1918, pelo missionário sueco Joel Frans Adolf Carlson e liderada ao longo dos anos pelos pastores José Bezerra da Silva, José Amaro da Silva, José Leôncio da Silva e atualmente pelo Pastor Ailton José Alves.

Até o ano de 1933, a Assembleia de Deus em Pernambuco não tinha em suas congregações órgãos ou grupos musicais oficialmente formados para participarem da liturgia do culto. Os louvores eram cantados de forma espontânea por toda a congregação ou até mesmo de forma isolada pelos irmãos que desejassem.

Vendo essa carência musical da igreja naquele período, o irmão João Vieira de Araújo, que era músico, pediu a permissão do Missionário Joel Carlson para organizar um grupo de cânticos o que lhe foi concedido, tendo o saudoso missionário o inaugurado em 11 de janeiro de 1934 num culto festivo, tornando-se então o primeiro coral da AD Pernambuco, dando início oficialmente às atividades musicais da igreja. Desse coral faziam parte dentre muitos as irmãs Ruth Signe Carlson (filha do Missionário Joel Carlson) e Isabel Lins.

O coral tinha o Templo Central da AD em Pernambuco (no Bairro da Encruzilhada) como a sua igreja sede e por isso era denominado de Coral do Templo Central. Mas com o crescimento da Igreja, houve a necessidade de um templo maior, com mais espaço para acomodação, e então foi construída a nova sede da Igreja na Av. Cruz Cabugá, no bairro de Santo Amaro. A respectiva mudança para o novo templo ocorreu no ano de 1977 e todos os grupos musicais, inclusive o coral foram transferidos para lá.

Nesse período o templo da AD da Encruzilhada ficou sem atividades e sem grupos musicais e na reabertura do templo como congregação, novos grupos foram formados. No ano de 1980, foi inaugurado um novo coral, pelo saudoso Pastor José Leôncio da Silva (líder da AD pernambucana à época), o qual na ocasião ganhou o nome de “Coral Getsêmani”.



O seu organizador e primeiro regente foi o maestro Abner Apolinário da Silva (atual Juiz de Direito da Comarca da Infância e Juventude do Recife) e filho do saudoso Pastor José Amaro da Silva. Durante esse período passou pela regência os seguintes maestros: Irmãs Rita, Lisete, Alaíde e Débora, Cícero, Eraldo Sidrônio de Santana, Ronaldo Afonso (presbítero), Débora Ferreira, Davi Barbosa, Heron Moraes Rodrigues (diácono), Rinaldo Sales e Edimilson Ribeiro de Sales.

Durante a direção e regência da maestrina Débora Ferreira o coral que se chamava Getsêmani, por sua sugestão, teve seu nome mudado, passando a se chamar “Primícias”.

Hoje o coral conta com aproximadamente 40 coristas e tem como regente a maestrina Isabele Andrade, também violinista. O ex-regente Edimilson Ribeiro de Sales, continua em atividade como tecladista do coral.
O Coral tem se apresentado tanto com o acompanhamento de piano (teclado), bem como com o uso do playback, técnica usada por vários corais com um repertório que vai dos hinos mais antigos clássicos dos mais diversos hinários aos hinos mais contemporâneos atendendo aos convites das congregações do Grande Recife e Interior do Estado de Pernambuco.

Agradecimentos especiais ao prezado amigo Edimilson Ribeiro de Sales pelo envio desse histórico.

Fonte: http://adencrecife.blogspot.com.br/ 

ANEXOS:

                               Templo da AD do Bairro Encruzilhada, em Recife (PE) 


                                     Coral Primícias, da AD em Encruzlhada - Recife (PE)


                        Coral Primícias, por ocasião de seu 37º aniversário de fundação 


   A direção do Coral Primícias, vemos da esquerda para direita: Josué (vice-regente), Esdras (Secretário), Simone (vice-secretária) e Isabele Andrade, a regente titular.

video

Coral Primícias cantando o hino: "VEM GUIAR, Ó DEUS DE GLÓRIA, durante a realização do Jubileu de Pérola em fevereiro de 2010, na regência do maestro Edimilson Ribeiro de Sales

4 comentários:

  1. Também faço parte do Coral Primicias e estou feliz por vê, sua história aqui publicada.

    ResponderExcluir
  2. Também faço parte do Coral Primicias e estou feliz por vê, sua história aqui publicada.

    ResponderExcluir
  3. Como é bom e enriquecedor conhecermos a história dos corais das igrejas Evangélicas do Brasil. E neste particular feliz por lê aqui a história do Coral Primícias do qual sou integrante. Deus te abençoe Irmão Jacó.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado prezado Edimilson. Que bom que tenhas gostado. Realmente são histórias que edificam.

      Excluir